29.6.06

"Agora vocês vão sentir o pretume do meu cacete!"

(Nunca me esquecerei das palavras do mestre Pirulito)

Nenhum comentário: